Meu Amigo Nietzsche é um curta metragem roteirizado e dirigido por Fáuston da Silva. Ganhador do prêmio de melhor curta metragem no 45º Festival de Brasília, essa obra representa, de certa forma, o espírito de Ano Zero, desde que se dê ao final da história uma conotação que não seja estritamente ideológica, e sim de prosseguimento da formação de um jovem brasileiro a partir do contato inaugural com as ideias daquele bigodudo que viveu lá do nordeste do mundo – ideias que, acredito, até hoje não foram suficientemente compreendidas.

Vamos lá pessoal, é fim de semana, então duvido que vocês não possam parar todas as 20.349 tarefas que estão fazendo ao mesmo tempo neste momento e, com calma, reservar 15 minutos para assistir essa pequena obra prima!

escrito por:

Victor Lisboa